ACESSAR O MATERIAL TAGS

Comunidade Urbana, Favela, Projeto Social, Samba, Segregação Urbana, Violência Urbana

Autor(a):

Viana, Larissa de Alcantara

Orientador(a):

D'Ottaviano, Maria Camila Loffredo

Ano de publicação:

2015

Unidade USP:

Faculdade de Arquitetura e Urbanismo [FAU]

Assuntos:

Copa do Mundo; habitação; movimentos sociais urbanos; Fortaleza (CE)

Palavras-chave do autor:

Copa do Mundo;estado;moradia;movimentos sociais urbanos;remoção

Resumo:

Esse estudo tem como objetivo central compreender a atuação do Estado em relação à moradia e o processo de luta e resistência frente às remoções e ameaças de remoção da população pobre de Fortaleza, em dois diferentes períodos: décadas de 1970 e 1980, momento da industrialização e da consolidação dos movimentos sociais urbanos e sua atuação para conquistar moradia e bens de consumo coletivo; e na segunda década dos anos 2000, com o anúncio da Copa do Mundo FIFA 2014. O megaevento expôs as ações do Estado, a realidade das comunidades ameaçadas de remoção e o surgimento de um novo movimento social que questiona as violações do direito à cidade em decorrência da Copa. Compreende-se que é em períodos de crescimento que se acirram as contradições, como será visto no decorrer do trabalho, ao analisar o período de desenvolvimento industrial, que atrelou política industrial à política habitacional, bem como o momento em que a cidade se prepara para sediar um megaevento com forte repercussão no mundo inteiro, o que gera grande visibilidade e, para isso, é necessário passar uma imagem de cidade em pleno desenvolvimento. A dissertação aborda ainda os processo de espoliação urbana e espoliação via acumulação que atinge a população pobre de Fortaleza e, a partir disso, questiona-se, frente à constante atuação do Estado em beneficiar certos setores da sociedade e repetidamente remover para áreas periféricas da cidade a população pobre, a quem de fato serve esse modelo de cidade.

ABNT:

VIANA, Larissa de Alcantara; D'OTTAVIANO, Maria Camila Loffredo. >Da conquista à resistência: copa do mundo, moradia, remoções e movimentos sociais em Fortaleza - CE. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/16/16137/tde-07032016-175306/pt-br.php >.