ACESSAR O MATERIAL TAGS

Autor(a):

Suárez, Dania Chaviano

Orientador(a):

Oliveira, Dennis de

Ano de publicação:

2018

Unidade USP:

PROLAM

Assuntos:

movimento cultural; identidade cultural; negros; diáspora; hip hop; cultura popular

Palavras-chave do autor:

cultura;diáspora;hip-hop;identidade;música;negros

Resumo:

O objetivo desta dissertação é dar uma visão do movimento do hip hop como um todo, comparando como é expressa neste movimento em Cuba e no Brasil. Para fazer isso, procura abordar os fatores históricos, sociais, culturais e políticos que promovem essa dinâmica em ambos países. A motivação para a realização do trabalho decorre da participação em eventos nos dois países em diferentes momentos, onde uma certa semelhança no comportamento dos jovens que praticam esse movimento tornou-se perceptível, o que despertou o desejo de investigar quão profundos seriam esses laços entre grupos tão distintos. A música está intimamente ligada à existência e à dinâmica dos grupos, pode ser vista em seus modos de representação e recepção, frequentemente exigidos por um grupo de indivíduos para se comunicar entre eles ou com outros grupos; assim, a maioria das músicas (...) tem um caráter coletivo intrínseco não compartilhado pelas artes visuais e verbais. Isso pode significar que a música é capaz de transmitir identidades afetivas, atitudes e padrões de comportamento de grupos socialmente definidos (MONSON, 2000). Embora a música tenha uma dimensão coletiva, não podemos ignorar seu caráter individual, porque os sujeitos desde sua particularidade como indivíduos em seu universo pessoal, também constroem significados integrados ao social.

ABNT:

SUÁREZ, Dania Chaviano; OLIVEIRA, Dennis de. Movimiento hip hop: estudo comparativo entre Cuba y Brasil. 2018.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2018. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/84/84131/tde-07122018-170333/ >.