ACESSAR O MATERIAL TAGS

Autor(a):

Durand, Olga Celestina da Silva

Orientador(a):

Sposito, Marilia Pontes

Ano de publicação:

2000

Unidade USP:

Faculdade de Educação [FE]

Assuntos:

adolescentes (aspectos sociais); sociologia urbana

Resumo:

O presente trabalho tem como tema a juventude. Os sujeitos centrais são os jovens que vivem em comunidades periféricas litorâneas da Ilha de Santa Catarina. Mais especificamente, analisam-se 23 jovens adeptos de grupos religiosos, esportivos e musicais. Seguindo critérios qualitativos e com base em pesquisa de campo, o trabalho parte do pressuposto de que a opção dos jovens por determinado grupo faz parte de sua primeira escolha positiva que lhes confere autonomia e responsabilidade. Na investigação, procura-se entender as lógicas internas dos jovens em seus grupos, assim como procura-se saber das relações que seus componentes travam com as instituições tradicionais de socialização: a família, a escola e o trabalho, que se encontram em franco processo de mudanças. Tendo como eixo de análise e interpretação as práticas sociais dos jovens e as formas de produção cultural no interior dos processos de socialização e sociabilidade, a pesquisa objetiva traçar um perfil desse jovem de periferia urbana da cidade de Florianópolis. O envolvimento com essas questões permitiu compreender como esses se estruturam em torno de diferentes objetivos em busca do crescimento pessoal, espiritual, político, social de forma lúdica e prazerosa, evidenciando sua capacidade de produção criativa, conquistando sua autonomia e constituindo novas identidades tanto individuais como grupais. A compreensão das ações desses jovens possibilita o reconhecimento desses atores sociais como sujeitos na sua atual condição, e no desempenho de importante papel nas transformações da contemporaneidade.

ABNT:

DURAND, Olga Celestina da Silva; SPOSITO, Marilia Pontes. >Jovens da ilha de Santa Catarina: sociabilidade, socialização. 2000.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2000.