ACESSAR O MATERIAL TAGS

Autor(a):

Vieira, Viviane Laudelino

Orientador(a):

Cervato, Ana Maria

Ano de publicação:

2007

Unidade USP:

Faculdade de Saúde Pública [FSP]

Assuntos:

nutrição da criança; desenvolvimento infantil; relações mãe-criança; desnutrição (epidemiologia); fatores socioeconômicos

Palavras-chave do autor:

desenvolvimento infantil;desnutrição;nutrição;relações mãe-filho;segurança alimentar e nutricional;vulnerabilidade social

Resumo:

Introdução - Apesar da elevada prevalência de obesidade, regiões pobres de países em desenvolvimento ainda se deparam com situação preocupante de desnutrição infantil. É evidente que tal deficiência não está somente relacionada ao acesso insuficiente e inadequado de alimentos e que fatores ambientais podem atuar no desenvolvimento infantil. Objetivo - Analisar os níveis de insegurança alimentar e tipos de vínculo mãe-filho como determinantes da desnutrição de crianças de quatro a seis anos atendidas por escolas municipais em área de alta vulnerabilidade social do Município de São Paulo. Métodos - O estudo apresenta delineamento do tipo caso-controle. A pesquisa foi desenvolvida nas duas Escolas Municipais de Educação Infantil situadas no Jardim Jaqueline, região de alta vulnerabilidade social do Município de São Paulo. A entrevista realizada com as mães das crianças abordou informações biológicas, socioeconômicas e culturais, da insegurança alimentar e do vínculo mãe-filho. Para verificação dos efeitos de cada variável independente e controle dos efeitos das demais variáveis incluídas no modelo, foi utilizado o modelo de regressão logística hierarquizada. Resultados - Verificou-se que tanto o vínculo mãe-filho inadequado como a insegurança alimentar familiar estiveram associados com a desnutrição infantil (p<0,05), mesmo após o controle para a renda mensal do companheiro, número de cômodos do domicílio, exclusão da mãe como chefe da família, número de filhos e trabalho materno remunerado. Não houve diferença estatisticamente significante no efeito das variáveis de interesse sobre a desnutrição ao se considerar o peso ao nascimento da criança e o aleitamento materno. Conclusões - O vínculo mãe-filho inadequado e a insegurança alimentar familiar mostraram-se fatores determinantes da ocorrência da desnutrição na população estudada.

ABNT:

VIEIRA, Viviane Laudelino; CERVATO, Ana Maria. Insegurança alimentar e vínculo mãe-filho como determinantes da desnutrição de crianças de quatro a seis anos de área de alta vulnerabilidade social. 2007.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6133/tde-12032008-104149/ >.